Pra quem se cuida, todos os dias são rosa

11 de outubro de 2021 Stella Sem categoria 0 Comentários

Outubro é o mês de prevenção e combate ao câncer de mama. Os eventos de conscientização sobre o tema já fazem parte do calendário de muitas instituições públicas e privadas. Monumentos se colorem de rosa e nas ruas se multiplicam as camisas alusivas à campanha, que começou ainda na década de 90, nos Estados Unidos. De fato, trata-se de um assunto importantíssimo. Afinal, só em 2020, mais de 2,3 milhões de mulheres no mundo descobriram que estavam com câncer de mama. Esse tipo de tumor é o que mais acomete a população feminina brasileira e representa cerca de 24,5% de todos os tipos de neoplasias diagnosticadas.

É por isso que na campanha deste ano INCA (Instituto Nacional do Câncer) trabalha para mostrar que prevenir e falar sobre o autocuidado deve ser uma prática diária, levando a campanha para todos os meses do ano. A adoção de hábitos saudáveis, associados ao conhecimento do próprio corpo e à realização de exames médicos regularmente é fundamental não apenas na prevenção do câncer de mama, mas para ganhar qualidade de vida, autoestima e bem-estar. Um levantamento do instituto mostrou que cerca de 13% dos casos de câncer de mama em 2020 no Brasil (aproximadamente, 8 mil ocorrências) poderiam ser evitados pela redução de fatores de risco relacionados ao estilo de vida, em especial, da inatividade física.

 

O levantamento faz parte de um estudo mais amplo que estimou o impacto da má alimentação, do consumo de álcool, do excesso de peso, da inatividade física e do não aleitamento materno. Apesar da correlação cientificamente comprovada entre o sedentarismo e o aumento da incidência do câncer, 28% das mulheres espalhadas por todo o mundo ainda não percebem isso como um fator de risco. À medida que avançam as possibilidades de tratamento, cada vez mais é necessário que cada mulher se conscientize sobre seu papel pessoal, assumindo o protagonismo sobre seu corpo e sua saúde.

Nesse sentido, é natural iniciarmos a discussão com as recomendações mais clássicas relacionadas à prevenção da doença, como praticar atividades físicas regularmente, evitar o consumo de álcool e de cigarro, conhecer seu histórico familiar e fazer o autoexame das mamas mensalmente. Afinal, quando diagnosticado precocemente, as chances de cura chegam a 95%.

 

Mas quando falamos de autocuidado, precisamos ir além. As mulheres, em sua maioria, levam uma vida de muita pressão, sendo muito mais cobradas quanto à aparência, ao cuidado dos filhos, à vida profissional e muitos outros fatores. Pensar em si própria com mais gentileza é, portanto, essencial. Não se trata apenas de se preocupar em prevenir uma doença. Descobrir-se mulher e descobrir a si mesma. Não pelo temor a uma doença, mas pelo amor à vida. Desse modo, todos os dias podem ser cor-de-rosa, você só precisa começar!

 

Para saber mais: Câncer de Mama: Descobrir para se proteger

Could not resolve: urls.api.twitter.com (Domain name not found)